Cadastre-se ou faça login     Youtube LinkedIn Twitter Facebook Instagram

Notícias > Aplicação de Estações Meteorológicas Automáticas para a previsão do tempo: mito ou verdade?

Publicado em 30/11/2012
Aplicação de Estações Meteorológicas Automáticas para a previsão do tempo: mito ou verdade?

A capacidade de gerar inúmeros dados leva à conclusão de que este equipamento, muito importante para diversos setores, pode prever o tempo

As Estações Meteorológicas Automáticas são utilizadas em todo o mundo como ferramenta de registro de longo prazo dos fenômenos meteorológicos para que sejam posteriormente analisados e o clima do local ou região possa ser classificado.  Na agricultura ou na indústria, esses equipamentos são aplicados para monitorar as condições meteorológicas em intervalos muito mais curtos, com objetivos imediatos. Entre eles:verificar a ocorrência de ventos fortes ou temperaturas médias e máximas diárias ou ainda variações na intensidade e direção dos ventos (no caso  da geração de plumas de chaminés). Porém  a quantidade de informações meteorológicas fornecidas por este equipamento leva à crença de que  é possível inclusive fazer a previsão do tempo com seu uso. Mas é preciso ter  cuidado, pois  esta não é sua finalidade principal na maioria das instalações.

De acordo com o meteorologista Kleber Lopes da Rocha, do Sistema de Alerta a Inundações de São Paulo (SAISP), órgão da Fundação Centro Tecnológico de Hidráulica (FCTH), “a estação meteorológica é um instrumento de observação, de monitoramento para o que já está acontecendo. Existe uma série de leis físicas que regem o movimento do ar. Para prever o tempo, deve-se representar subitamente os processos físicos que ocorrem em determinado local. Então, diretamente não tem como obter a previsão do tempo, se você pegar os dados de uma estação meteorológica; só dá para observar o que já ocorreu”. Segundo ele, a estação meteorológica auxilia nas previsões quando as informações contidas em seu banco de dados são utilizadas em alguns modelos de previsão do tempo.

Conforme explica o meteorologista, para previsões climáticas são necessários os chamados “clusters” (supercomputadores), vários computadores que irão operar o mesmo processamento. Além disso, é preciso escolher um dos diversos tipos de modelo meteorológico, matemático, atmosférico, entre outros. “Para assumir as condições de controle desse modelo, são necessárias condições iniciais, que podem ser dados das estações meteorológicas ou de outros equipamentos. É necessária também a presença de um meteorologista para interpretar estes dados”, explica Kleber Rocha.

Os setores que mais se beneficiam com as previsões do tempo (previsões de um a dez dias) e com as previsões climáticas (previsões para os próximos meses), segundo Rocha, são setores de defesa civil, aviação, trânsito, logística, produção têxtil e principalmente a agricultura.
   
Importância da estação meteorológica para a agricultura

A utilização da estação meteorológica na agricultura é importante, pois o equipamento realiza o monitoramento instantâneo do ar, do solo e da água nas plantações. De acordo com o meteorologista do FCTH, Kleber Rocha, “com temperaturas muito altas ou baixas, o produtor pode ter problemas. Se ele estava no período de irrigação e observar que a umidade está baixa, deve irrigar o solo. Se ele observar que a temperatura está caindo demais, poderá tomar uma providência contra a formação de geada na lavoura, por exemplo. Por isso, a importância do monitoramento na lavoura é muito grande para a agricultura, assim como a previsão do tempo”.

As estações meteorológicas possibilitam o armazenamento dos dados em um software, que é atualizado em determinado intervalo de tempo, criando um banco de dados completo das condições que já ocorreram. As estações reúnem dados como temperatura e umidade relativa do ar, radiação solar, radiação líquida e fotossinteticamente ativa, velocidade e direção do vento, molhamento foliar ou precipitação pluviométrica, umidade do solo e temperatura, evapotranspiração e desenvolvimento fisiológico (graus dia), horas frio e ponto de orvalho. O equipamento também traz vantagens econômicas como a otimização da irrigação e da quantidade de aplicação de agroquímicos, controle de insetos, ácaros, pulgões, fungos e bactérias nas lavouras e, consequentemente, a redução de custos.

A empresa de monitoramento ambiental Ag Solve, oferece opções com alta tecnologia para o monitoramento meteorológico como a Estação Meteorológica Automática, que possui capacidade de medição precisa, construção robusta, baixo consumo de energia e flexibilidade na configuração dos sensores. Para mais informações sobre a Estação Meteorológica Automática, entre em contato com a Ag Solve pelo telefone: (19) 3825-1991 ou mande um e-mail para vendas@agsolve.com.br.

 

Precisa de ajuda para escolher a melhor solução para sua aplicação?

Nossos especialistas podem ajudá-lo. Entre em contato.

Fale Conosco