Cadastre-se ou faça login     Youtube LinkedIn Twitter Facebook Instagram

Notícias > Como prevenir e detectar enchentes?

Publicado em 20/07/2010
Como prevenir e detectar enchentes?

 

De que forma é possível prevenir enchentes e seus desdobramentos, como as que aconteceram nos estados de Alagoas e Pernambuco neste último mês de junho e julho, trazendo mortes e destruição?

 

Primeiramente deve ser verificada a questão da ocupação de vales e margens de rios e corpos d'água pela população, sem os devidos cuidados de segurança e planejamento. Outra questão de grande seriedade é a construção de represas e barragens sem que estudos mais sérios tenham sido feitos quanto ao tamanho da bacia, suas especificidades e o clima da região.

 

Para amparar essas decisões, a instalação e uso de equipamentos e sensores capazes de monitorar a hidrologia e meteorologia da região podem ajudar a evitar o pior. Instalados nas margens de um rio, os sensores podem formar uma rede de monitoramento chuvas, secas e enchentes e de outros dados ambientais, como temperatura, pressão atmosférica, entre outros. O trabalho é realizado por meio da análise dos dados obtidos, como as condições do clima e o comportamento dos cursos d’água, com transmissão e acompanhamento remotamente e em tempo real.

 

Segundo Mauro Banderali, especialista em instrumentação ambiental da Ag Solve, os equipamentos hidrometeorológicos podem antever estes eventos e minimizar os danos trazidos pelas chuvas e enchentes. “Com a implantação deste conjunto de instrumentação para o monitoramento é possível identificar os riscos de inundações e minimizar perdas humanas, além de danos materiais e prejuízos financeiros. O que falta são investimentos contínuos e de maior valor para o monitoramento da água em seu ciclo de evaporação, transporte e precipitação. Com investimento em medidas preventivas é possível sair do ciclo de problemas trazidos frequentemente pelas secas e cheias”, explica Banderali.

 

Os equipamentos que podem ajudar na prevenção de enchentes são leveloggers, rainloggers, medidores de nível, de vazão, estações meteorológicas automáticas, com sensores pluviométricos, além de temperatura, umidade do solo, entre outros parâmetros.

 

Em 2009, dados da execução orçamentária da União, levantados pela ONG Contas Abertas no Sistema Integrado de Administração Financeira da União (Siafi), demonstraram que o Brasil investe pouco em prevenção de enchentes e medidas para minimizar o impacto dos desastres climáticos.

 

Segundo a ONG, até o final de setembro de 2009, o governo federal havia liberado apenas R$ 17,4 milhões para ‘prevenção e preparação para emergências e desastres’. O que corresponde somente a 1,7% do total de mais de R$ 1 bilhão aplicado no item ‘programa de resposta à desastres’. Além disso, quase todos os recursos são destinados apenas para socorro às vítimas e não para a prevenção de novos desastres e mortes.

 

 

A Ag Solve

 

A Ag Solve é uma empresa especializada em consultoria, venda e integração de instrumentação para monitoramento nas áreas de hidrologia e meteorologia, com softwares para telemetria, armazenamento e análise de dados de sensores. A empresa fornece soluções completas para esta finalidade em empresas públicas e privadas de todo o Brasil.

 

 

Atendimento à imprensa:

 

Daniela Mattiaso

daniela@artcomassessoria.com.br

 

Marlene Simarelli

marlene@artcomassessoria.com.br

 

Isabella Monteiro

isabella@artcomassessoria.com.br

 

ArtCom Assessoria de Comunicação

Telefone: (19) 3237-2099

Campinas – SP

 

Precisa de ajuda para escolher a melhor solução para sua aplicação?

Nossos especialistas podem ajudá-lo. Entre em contato.

Fale Conosco