Cadastre-se ou faça login     Youtube LinkedIn Twitter Facebook Instagram

Notícias > Rede de Monitoramento de Águas Subterrâneas utiliza Leveloggers da Solinst no Quênia

Publicado em 16/03/2018

A demanda por água potável limpa e segura permanece crítica em todas as áreas rurais do Quênia e grande parte da África Oriental, levando muitas organizações a se concentrar no aumento do número de poços de abastecimento de água.

Nos últimos cinco anos, William (Bill) Halbert, um hidrogeólogo profissional e proprietário da Insight Geologic, Inc., trabalhou com poços de perfuração através do Engenheiros sem Fronteiras (Engineers Without Borders) no sudoeste rural do Quênia.

 

A necessidade de uma rede de monitoramento de águas subterrâneas

 

Durante seu trabalho, Bill percebeu a necessidade de obter informações mais confiáveis sobre o uso e a sustentabilidade das águas subterrâneas. Isso o levou a formar o grupo sem fins lucrativos Maji Walinzi, que significa "Guardiões da Água" em swahili.

A ONG Maji Walinzi trabalha com grupos locais e nacionais, incluindo a Autoridade de Gerenciamento de Recursos Hídricos (WRMA) no Quênia, para fornecer equipamentos e treinamentos para monitorar os recursos de águas subterrâneas. Um dos principais objetivos desta organização é estabelecer uma grande rede de monitoramento de águas subterrâneas a longo prazo em aldeias rurais.

 

Leveloggers Ajudam a Estabelecer uma Rede de Monitoramento de Águas Subterrâneas

 

As duas empresas de Bill doaram muitos registradores automáticos de nível de água programáveis - incluindo Leveloggers da Solinst - para que o projeto de monitoramento fosse iniciado."Eu comprei vários Leveloggers da Solinst ao longo dos anos, e fiquei muito satisfeito com seu desempenho, bem como com a interface do usuário", diz Bill.


Bill Halbert programa um Levelogger (datalogger de nível de água) usando o software Solinst PC.


 

Atualmente, os Leveloggers são instalados em cabos de aço inoxidável nos poços de abastecimento. Os registradores de dados de nível de água são programados para registrar leituras duas vezes por dia, e os dados são baixados anualmente.


Bill Halbert liga um cabo de aço inoxidável a um Levelogger para instalação em um poço de abastecimento de água no Quênia.


 

Bill Halbert e Joseph Osio, um hidrogeologista da WRMA em Kisumu, no Quênia, trabalham juntos para preparar Leveloggers para implantação.


 

A medida que as áreas sofrem de seca e muitos poços são fortemente utilizados, alguns Leveloggers M10 (10 metros) de nível superficial tornaram-se insuficientes para lidar com as maiores flutuações do nível de água. Como tal, eles devem ser substituídos por registradores que podem suportar uma implantação mais profunda.


Um Levelogger M10 sendo usado para monitorar um poço de abastecimento no Quênia.

 

Uma doação recente da Solinst permitiu que Maji Walinzi obtivesse quatro Leveloggers Edge M100 (100 metros de profundidade) e os cabos de leitura direta que os acompanham. Estes Leveloggers serão usados para substituir os dataloggers M10 existentes. Uma vez instalados, os cabos de leitura direta permitem o download e a programação de dados, sem ter que remover os Leveloggers de suas posições no poço.

Estes Leveloggers estão sendo instalados no Condado de Migori, no Quênia, trazendo o total para seis poços na rede de monitoramento de águas subterrâneas.


 

Benefícios de uma rede de monitoramento de águas subterrâneas

 

Os dados coletados através da rede de monitoramento de águas subterrâneas ajudam a acompanhar as tendências e mudanças nos níveis de água subterrânea e a recarga de chuvas a longo prazo. A informação é compartilhada com agências governamentais e organizações não governamentais.


BIll Halbert de Maji Walinzi, e Joseph Osio e Fred Nyongesa da WRMA no Quênia.

 

Dados precisos permitem tomar decisões mais assertivas sobre o uso da água nessas bacias críticas. Com os efeitos adicionais das mudanças climáticas, os dados de monitoramento de águas subterrâneas a longo prazo são fundamentais para determinar a sustentabilidade dos recursos.

Além disso, os dados fornecidos através da rede de monitoramento de águas subterrâneas serão disponibilizados em um site para uso de cientistas, estudantes de pós-graduação, agências locais, etc.

A Solinst agradece William Halbert por fornecer informações sobre este projeto.

 

Fonte: Este artigo foi publicado em 24 de outubro de 2017 por Tricia Lane. Groundwater Monitoring Network In Kenya Uses Solinst Leveloggers


 

Precisa de ajuda para escolher a melhor solução para sua aplicação?

Nossos especialistas podem ajudá-lo. Entre em contato.

Fale Conosco